Dr. Altamiro da Rocha Oliveira

Bioplastia

bio-plastia

BIOPLASTIA – REJUVENECIMENTO FACIAL NÃO CIRÚRGICO

É um procedimento não cirúrgico que busca melhores resultados no rejuvenescimento da face, mãos, nádegas e deformidades que requerem reposição de volumes perdidos, através de implantes de biomateriais.

Ela vem de encontro ao conceito da cirurgia plástica, cortar, puxar. Através de microcânula o médico especialista (cirurgião plástico) implanta o material (hidrogel, artecal, bioplastique, biomaterial, dermalive) com a finalidade de rejuvenescer e embelezar através do jogo de volume.

É um procedimento simples que é feito com um pequeno ponto de anestésico para a penetração da microcânula, não necessita de internação hospitalar, anestesia geral, é um tratamento ambulatorial simples, efetivo e que não afasta o paciente das suas atividades diárias e após as aplicações poderá ir para casa. Em casa colocar compressas geladas.

Pode ser realizado isoladamente, associado com cirurgias convencionais, complementação no pós-operatório, e alternativas de caso de difíceis soluções. Indicação – Realça “maçã do rosto” projetando o processo e arcozigomático, diminui a flacidez do sulco naso geniano. Eleva e define a ponta nasal caída, corrigi sequelas de rinoplastia. Mãos magra e envelhecida. Nádegas sem volume. Ausência de queixo; define a linha mandibular, elimina as rugas da testa e ao redor da boca. Dá volume aos lábios.

 

BIOMATERIAL

Apresenta-se em micro esferas em suspensão homogénea, estável e não alergênica e não tem tendência de migração.

É um implante injetável, que vem possibilitando a correção de inúmeros defeitos corporais, sem a necessidade de cirurgia, internação hospitalar e anestesia.

Apresenta um resultado imediato, com recuperação rápida e sem sintomas desagradáveis de um pós-operatório.

É isento de efeitos colaterais indesejáveis.

Essas micros esferas de biomaterial mergulhadas em gel veicular biocompatível, não são absorvidas pelo organismo porque não são fagocitadas por apresentarem concentração maior que os macrófagos.

Por isso, não é necessário reaplicar. É implantado com uma agulha de ponta arredondada, apresentando três concentrações
diferentes para o tipo de indicação:

  • Biomaterial à 2% – indicado para minimizar rugas finas ao redor da boca, testa e lábios
  • Biomaterial à 10% – indicado para minimizar o aspecto de cansado provocado pela flacidez do sulco naso geniano aumenta o volume dos lábios e lóbulo da orelha e preenche o dorso das mãos magras.
  • Biomaterial à 30% • indicado para aumentar o queixo (hipoplasia), dar volume a região malar, definir a linha mandibular, correção de sequelas de cirurgias estéticas, tais como nariz, e aumento da região glútea e finalmente para qualquer tipo de depressão.